"De 'caboclo' a índio": como a historiografia do Brasil abordou os povos indígenas no Nordeste durante o século XX

  • Thyara Freitas Alcantara Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), PE, Brasil
Palavras-chave: Historiografia brasileira; indígenas no Nordeste; influências; contribuições

Resumo

Este trabalho busca discutir como a historiografia do Brasil abordou os povos indígenas no Nordeste durante o século XX, principalmente sob as influências dos autores Caio Prado Jr., Carlos Estevão, Estevão Pinto, Gilberto Freyre, Darcy Ribeiro; analisando criticamente a influência da historiografia marxista no Brasil referente à temática indígena; e as contribuições ocorridas durante a década de 1980, através de História vista de baixo, evidenciando a produção de John Manuel Monteiro; e as contribuições durante a década de 1990, citando a produção dos pesquisadores João Pacheco de Oliveira e Edson Silva.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thyara Freitas Alcantara, Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), PE, Brasil

Licenciada em História pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) | Recife, PE, Brasil | Lattes ID: http://lattes.cnpq.br/1937422713764895

Publicado
2020-12-22
Como Citar
Alcantara, T. F. (2020). "De ’caboclo’ a índio": como a historiografia do Brasil abordou os povos indígenas no Nordeste durante o século XX. Revista Brasileira Do Ensino Médio, 3, 221-233. Recuperado de https://phprbraem.com.br/ojs/index.php/RBRAEM/article/view/83
Seção
Artigos