Currículo Base do Território Catarinense: tendência ao apagamento da Proposta Curricular do Estado considerada patrimônio dos educadores

Palavras-chave: Currículo. Base Nacional Comum Curricular. Proposta Curricular de Santa Catarina. Currículo Base do Território Catarinense

Resumo

No texto, defende-se que a formulação da BNCC, bem como sua recontextualização nos territórios dos estados da federação, tendem a promover progressivo apagamento da produção coletiva da política curricular nos seus contextos locais onde o currículo notadamente move a formação humana. Com base em estudo documental, afirma-se que, em Santa Catarina, a formulação do texto do chamado Currículo Base do Território Catarinense, como extensão reconfigurada da BNCC, também deve induzir progressiva perda dos espaços do debate curricular, e como isso, o esvaziamento de sentidos para a produção de novos textos curriculares alinhados ao movimento histórico da já consolidada Proposta Curricular de Santa Catarina. Nesse âmbito, mostra-se, incialmente, como a formulação e implantação da BNCC marcam um ponto importante de inflexão na história recente de constituição da política curricular brasileira. Em seguida são apresentados argumentos que apontam esta inflexão também em Santa Catarina, na medida que o foco passa a ser a BNCC e o Currículo Base do Território Catarinense, secundarizando-se o debate da Proposta Curricular do Estado. Conclui-se afirmando que este deslocamento na  prescrição curricular nacional revela-se problemático, dado que SC, nestes últimos 30 anos, vem construindo uma trajetória própria de discussão coletiva e de sistematização de textos de orientação curricular para as redes de ensino, articulando-se, obviamente, com as diretrizes nacionais anteriores, as quais elaboradas na condição de documentos de base curricular, contribuíram como estímulo para formulações curriculares descentralizadas mais específicas e, portanto, próximas de espaços onde a formação escolar efetivamente acontece.   

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Juares da Silva Thiesen, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Brasil

Doutor em Ciências Pedagógicas pelo Instituto Central de Ciências Pedagógicas -ICCP - Havana – Cuba / Doutor em Gestão do Conhecimento pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) | Professor do Centro de Ciências da Educação da UFSC | Florianópolis, Brasil | Lattes ID: http://lattes.cnpq.br/0176543786942215

Publicado
2021-08-27
Como Citar
Thiesen, J. da S. (2021). Currículo Base do Território Catarinense: tendência ao apagamento da Proposta Curricular do Estado considerada patrimônio dos educadores. REVISTA BRASILEIRA DO ENSINO MÉDIO, 4, 4-13. Recuperado de http://phprbraem.com.br/ojs/index.php/RBRAEM/article/view/118
Seção
Artigos - Dossiê especial: "Observatório do Ensino Médio em Santa Catarina"